CAPPAZ - Confraria Artistas e poetas pela Paz

NOSSA CONCEPÇÃO DE PAZ

Entendemos por Paz uma forma específica de relacionamento humano que tem como valores primordiais: o respeito à vida, a cooperação e o diálogo; a liberdade de expressão, opinião e informação, nos limites da responsabilidade com a educação das novas gerações; e a proteção ao meio ambiente. A Paz se estabelece com o fim da violência em todas as suas formas; com a substituição de modelos econômicos, políticos e de relacionamento; com a substituição de uma cultura violenta por uma Cultura de Paz.

Nosso âmbito de ação é o meio cultural: a promoção e difusão da Cultura de Paz. Entendemos que a promoção da Paz é um objetivo maior e mais abrangente do que credos, filosofias e partidos políticos. Incluímo-nos no grupo de instituições que aderiram à declaração da ONU sobre uma Cultura de Paz, divulgada em 13 de setembro de 1999.

“Uma Cultura de Paz é um conjunto de valores, atitudes, tradições, comportamentos e estilos de vida baseados:

  • No respeito à vida, no fim da violência e na promoção e prática da não-violência por meio da educação, do diálogo e da cooperação.

  • No pleno respeito aos princípios de soberania, integridade territorial e independência política dos Estados e de não ingerência nos assuntos que são, essencialmente, de jurisdição interna dos Estados, em conformidade com a Carta das Nações Unidas e o direito internacional.

  • No pleno respeito e na promoção de todos os direitos humanos e liberdades fundamentais; no compromisso com a solução pacífica dos conflitos.

  • Nos esforços para satisfazer as necessidades de desenvolvimento e proteção do meio-ambiente para as gerações presente e futuras.

  • No respeito e promoção do direito ao desenvolvimento.

  • No respeito e fomento à igualdade de direitos e oportunidades de mulheres e homens.

  • No respeito e fomento ao direito de todas as pessoas à liberdade de expressão, opinião e informação.

  • Na adesão aos princípios de liberdade, justiça, democracia, tolerância, solidariedade, cooperação, pluralismo, diversidade cultural, diálogo e entendimento em todos os níveis da sociedade e entre as nações; e animados por uma atmosfera nacional e internacional que favoreça a paz.” (Fonte: ONU, 2004).

Autoria: Joyce Lima Krischke e Judite Krischke Sebastiany – Especialistas em Educação.
Revisão e Supervisão: João José Oliveira Gonçalves – Professor de Língua e Literatura Portuguesa.

Joyce Lima Krischke

João José Oliveira Gonçalves














Confraria Artistas e Poetas pela Paz - Todos os direitos reservados
Formatação e layout por Rosângela Coelho